Artigos Goiás Política

Quem o vereador Kajuru pensa que é?

Um mediano colaborador do prefeito Iris Rezende, desses que não vale a pena mencionar o nome sequer no âmbito da crítica, me abordou na hora do almoço num restaurante, mal cumprimentou e já foi perguntando na bucha: “Você leu a entrevista do Jorge Kajuru ao repórter do Opção? Sim! Respondi prontamente.

– Quem o vereador pensa que é? Arrematou o sujeito.

– Acho melhor perguntar a ele, não a mim?

– Tá certo! Deixa pra lá! Disse ele num misto de muxoxo e desencanto.

Depois desse curto e indigesto diálogo, encanei de ler novamente a entrevista para ver que bicho diferente tinha mordido o assessor. Relendo, fiquei mais convicto ainda de que Kajuru apenas desabafou fatos que até beócios em política podem confirmar.

O sujeito pode discordar do tom agressivo, da verve típica de um vereador que não alisa ninguém ou até achar que Jorge podia ser doce e filosófico. Não importa. Mas, inegavelmente, falou fatos que pipocam do mais simples boteco aos restaurantes cinco estrelas.

Iris, titubeante como nunca foi, administra de forma caótica e, hoje, sequer agrada fiéis escudeiros. A cidade ainda se afunda em buracos, bairros inteiros amargam lixo e descaso, a área de saúde está na UTI em um caos inimaginável e muitos, quem diria, estão saudosos de Paulo Garcia que, mesmo aos trancos e barrancos, tocou a cidade sem os absurdos percalços de Iris.

Kajuru tocou num ponto nevrálgico, pisando no calo de quem tem poder de retaliação ao dizer que existem fortes indícios de que a máquina esteja à serviço da candidatura de Dona Iris. Ora, até os gatinhos que rondam a câmara municipal miando por leite são capazes balançar a cabeça concordando com essa equação em curso.

O vereador Jorge Kajuru apenas traçou um RX do momento. Com análises pontuais difíceis de serem questionadas. Quem ele pensa que é? Embora não responda por ele, a mim fica claro que ele é um político que pensa, que tem raciocínio lógico e não deve satisfações a ninguém quando se trata de defender suas convicções. É simples assim. Não gostou? Favor rebater todas as críticas. Quem se habilita?

Rosenwal Ferreira é Jornalista, Publicitário e Terapeuta trans-pessoal

Sobre o Autor

Rosenwal Ferreira

Rosenwal Ferreira é jornalista, publicitário e terapeuta transpessoal. Multimídia talentoso, ele atua na TV Serra Dourada realizando comentários para o Jornal do Meio Dia; mantém, há mais de 18 anos, o programa Opinião em Debate, que anteriormente era transmitido na TBC Cultura, e agora está na PUC TV. Na TV Metrópole é membro do programa de análises políticas e econômicas. No meio impresso, é articulista na quinta-feira, no Jornal da Manhã, e na terça-feira no Jornal OHoje. 
Radialista de carteirinha, comanda o tradicional programa jornalístico Opinião em Debate, que já ocupou o horário nobre em diversas emissoras, e hoje, está na nacionalmente conhecida Rede Bandeirantes 820am, de segunda a sexta-feira, das 07H30 às 08H30 da manhã.

Deixe seu Comentário

Clique aqui para comentar

Patrocinado por