Mundo Notícias

Entorse no tornozelo tira Neymar da Copa América

MUN53-170. SAMARA (RUSIA), 02/07/2018.- El defensa mexicano Miguel Layún (c) y el delantero brasileño Neymar (d) durante el partido Brasil-México, de octavos de final del Mundial de Fútbol de Rusia 2018, en el Samara Arena de Samara, Rusia, hoy 2 de julio de 2018. EFE/Sebastião Moreira [ATENCIÓN EDITORES: Sólo Uso editorial. Prohibido su uso en referencia con entidad comercial alguna. Prohibido su uso en alertas, descargas o mensajería multimedia en móviles. Las imágenes deberán aparecer como fotografías congeladas y no podrán emular la acción del juego mediante secuencias o fotomontajes. Ninguna imagen publicada podrá ser alterada, mediante texto o imagen superpuesta, en el caso de que (a) intencionalmente oculte o elimine el logotipo de un patrocinador o (b) añada y/o cubra la identificación comercial de terceras partes que no esté oficialmente asociada con la Copa Mundial de la FIFA.]

O atacante Neymar Jr. foi desconvocado da seleção Brasileira depois de sofrer uma entorse no tornozelo aos 18 minutos do primeiro tempo do jogo contra o Catar, realizado na noite dessa quarta-feira (5), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

O jogador ainda chegou a ficar no banco de reservas, onde chorou enquanto recebia atendimento do médico Rodrigo Lasmar. Depois, durante o segundo tempo da partida, o atleta deixou o estádio e foi levado para uma clínica, onde foi avaliada e submetido a exames complementares de imagem que confirmaram a ruptura ligamentar no tornozelo.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF, No anúncio que fez em seu site sobre a desconvocação de Neymar, informou que por causa da “gravidade da lesão”, o jogador “não terá condições físicas e tempo de recuperação suficiente para participar da Copa América Brasil 2019. A partir desta quinta-feira (6), a comissão técnica da seleção brasileira iniciará a definição de um substituto”.

Visita de Bolsonaro

Durante o tempo em que esteva na clínica realizando os exames, o atacante da seleção brasileira recebeu a visita do presidente da República, Jair Bolsonaro. O presidente postou uma mensagem em sua conta no Twitter, na qual deseja que Neymar se recupere da contusão rapidamente. “Visitando @neymarjr no Hospital Home em Brasília. Desejo uma boa e rápida recuperação!”.

O Jogo

A seleção brasileira de futebol venceu o Catar por 2 x 0. O time comandado pelo treinador Tite, começou a partida com uma marcação forte, tentando recuperar a bola no campo de ataque. Aos 16 minutos do primeiro tempo, Richarlison marcou de cabeça após um cruzamento de Daniel Alves pela direita.

Aos 17 minutos, Neymar deixou o campo com dores no tornozelo direito depois de pisar em falso após uma dividida. Ele foi para o banco, deixou o campo com gelo no pé direito e foi direto para o vestiário. O craque foi substituído pelo atacante do Grêmio, Everton.

O segundo gol do Brasil saiu aos 23 minutos, também no primeiro tempo. Richarlison serviu Gabriel Alves que tirou o goleiro Al-Sheeb da jogando colocando a bola no funda da rede.

Nos acréscimos do segundo tempo, aos 49 minutos, o juiz marcou pênalti para o Catar após consultar o VAR (Árbitro assistente de vídeo) para analisar um lance em que Abdulsalam recebeu e Ederson caiu e tocou na bola. Khoukhi cobrou, mas acertou o travessão do gol de Ederson, confirmando a vitória do Brasil por 2×0.

O Brasil jogo com: Ederson; Daniel Alves (Éder Militão), Marquinhos, Miranda e Filipe Luís (Alex Sandro); Casemiro, Arthur (Fernandinho) e Philippe Coutinho (Lucas Paquetá); Richarlison (David Neres), Neymar (Everton) e Gabriel Jesus.

A seleção disputa o seu segundo amistoso contra Honduras no próximo domingo, dia 9, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. A estreia da seleção na Copa América será no dia 14 de junho, contra a Bolívia, no Estádio do Morumbi, em São Paulo.

 

*Com informações da CBF

Fonte: Agência Brasil 

Sobre o Autor

Rosenwal Ferreira

Rosenwal Ferreira é jornalista, publicitário e terapeuta transpessoal. Multimídia talentoso, ele atua na TV Record realizando comentários no quadro Olho no Olho, no Balanço Geral; mantém, há mais de 18 anos, o programa Opinião em Debate que agora está na PUC TV. No meio impresso, é articulista no Diário da Manhã, e no Jornal OHoje.
Radialista de carteirinha, comanda o tradicional programa jornalístico Opinião em Debate, que já ocupou o horário nobre em diversas emissoras, e hoje, está na nacionalmente conhecida Rede Bandeirantes 820am, de segunda a sexta-feira, das 07H30 às 08H30 da manhã. Logo após é membro da bancada mais ativista da felicidade, das 8:30h ate às 10h da manhã, na Jovem Pan Goiânia.

Deixe seu Comentário

Clique aqui para comentar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Patrocinado por