Goiás Notícias Trânsito

Detran-GO notifica mais de 900 motoristas para suspensão de CNH

FOTO DE DOCUMENTOS ACHADOS/PERDIDOS. OUVIDORIA DETRAN

O Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO) notificou 914 motoristas em Goiás sobre a abertura de processo administrativo para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Os condutores foram notificados por terem superado o limite de 20 pontos em 12 meses.

A notificação enviada pelo Detran-GO visa informar sobre a abertura do processo de suspensão em desfavor desses condutores infratores. Contudo, após receber a notificação da abertura do processo de suspensão, o motorista pode apresentar sua defesa por escrito em 1ª instância, até a data-limite que consta na carta enviada pela autarquia.

A contagem do prazo de suspensão não começa enquanto não sair o resultado da análise da defesa. Caso o recurso seja indeferido, o condutor poderá recorrer em 2ª instância ao Conselho Estadual de Trânsito (Cetran-GO). O recurso deve ser feito por escrito e entregue em até 30 dias a partir do resultado da análise do primeiro recurso.

Se todos os recursos forem indeferidos, a penalidade de suspensão do direito de dirigir será aplicada. Esses condutores terão suspensão de 1 a 12 meses. Contudo, se todas as infrações tiverem sido cometidas a partir de 1º de novembro, a suspensão passará a ser de 6 a 12 meses.

O tempo mínimo de suspensão passou de 1 mês para 6 meses. A mudança ocorreu na mesma época em que o valor de todas as multas foi reajustado e começaram a valer outras alterações no Código de Trânsito. O prazo máximo de suspensão para quem acumula 20 pontos ou mais continua sendo de 1 ano.

Para quem voltar a atingir essa pontuação dentro de 1 ano, a penalidade mínima passou de 6 para 8 meses. A máxima continua em 2 anos. Fonte: Mais Goiás

Sobre o Autor

Rosenwal Ferreira

Rosenwal Ferreira é jornalista, publicitário e terapeuta transpessoal. Multimídia talentoso, ele atua na TV Serra Dourada realizando comentários para o Jornal do Meio Dia; mantém, há mais de 18 anos, o programa Opinião em Debate, que anteriormente era transmitido na TBC Cultura, e agora está na PUC TV. Na TV Metrópole é membro do programa de análises políticas e econômicas. No meio impresso, é articulista na quinta-feira, no Jornal da Manhã, e na terça-feira no Jornal OHoje. 
Radialista de carteirinha, comanda o tradicional programa jornalístico Opinião em Debate, que já ocupou o horário nobre em diversas emissoras, e hoje, está na nacionalmente conhecida Rede Bandeirantes 820am, de segunda a sexta-feira, das 07H30 às 08H30 da manhã.

Deixe seu Comentário

Clique aqui para comentar

Patrocinado por